Fale conosco: +55 11 3181 8700 /     atendimento@radarinvestimentos.com.br      radarinvestimentos

logotipo radar investimentos

Dê um primeiro passo e receba um convite de abertura de cadastro

Dê o primeiro passo e receba
um convite de abertura de cadastro



Dê o primeiro passo e receba
um convite de abertura de cadastro

Exportações brasileiras de carne de frango dispararam em junho

por | 10 jul, 2019

SÃO PAULO  –  Valor Econômico

As exportações brasileiras de carne de frango (in natura e produtos especializados) alcançaram 386,2 mil toneladas e renderam US$ 639,6 milhões em junho, conforme dados da Secretaria de comércio Exterior (Secex) compilados pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Em relação ao mesmo mês de 2018, o volume cresceu 64% e a receita foi 76,6% maior.

Com isso, no primeiro semestre os embarques somaram 2,045 milhões de toneladas, 11,4% mais que em igual intervalo do ano passado, e o valor das vendas aumentou 14,9% em igual comparação, para US$ 3,406 bilhões.

“Houve elevação nas compras de quase todos os grandes importadores, o que gerou uma corrente positiva de exportações. O contexto internacional de alta demanda por proteína é sentido nos mais diversos mercados”, afirma Francisco Turra, presidente da ABPA, em comunicado.

Segundo a entidade, as vendas para a China, principal mercado da carne de frango do Brasil no exterior, cresceram 22,6% de janeiro e junho, para 257,9 mil toneladas. Os embarques para a União Europeia registraram incremento de 21% no semestre, para 129,9 mil toneladas, e para os Emirados Árabes Unidos a alta foi de 35,7%, para 192 mil toneladas.

“Os mercados árabes vêm mantendo bom fluxo de importação de produtos, com sólido crescimento nas vendas para os Emirados Árabes Unidos”, diz Ricardo Santin, diretor-executivo da ABPA, no mesmo comunicado.